quarta-feira, 24 de novembro de 2010

DESCONSTRUÇÃO E TRANSFORMAÇÃO

Aprendendo a fazer escolhas felizes


O desejo de todos é de se tornar especial, indispensável, brilhante. Porém, a realidade atual lhes “podam as asas”, desmotivando e impedindo o crescimento integral. O objetivo deste trabalho é conduzir o individuo por um processo de transformação, durante o qual você abrirá novas janelas de realidades e percepção do Ser, criando novas oportunidades, reconectando-se com sua origem e estabelecendo a fé e o equilíbrio necessários para uma vida plena.

Depois de passar pelos três níveis de desconstrução, investigação e reformulação de seus pensamentos, visão e sentimento sobre si mesmo, o individuo se torna energizado, de posse de seu poder pessoal, com magnetismo e poder de atração a ponto de assumir o comando das suas escolhas conscientes, apropriadas ao desenvolvimento dos projetos de vida.
Isso é mais do que um curso de auto conhecimento ou de motivação. É uma proposta de transformação.
O proposito da desconstrução é desativar todas as armadilhas que foram desenvolvidas ao longo da existência e que o impedem de ir além da sua zona de conforto. Desprender-se de todo o aparato emocional, mental, material, social e cultural que você acredita que servem de apoio e que o fazem ser quem você pensa que é, e não quem você realmente é.
Depois de reconhecer todas as influencias do mundo externo, e todas as formas de pensamentos e conceitos que prendem e limitam em suas potencialidades, é necessário criar um ponto zero onde todas as informações sabotadoras ficarão isoladas e sem nenhuma atuação sobre você.
Para desconstruir uma por uma, inicia-se uma investigação através de práticas simples, tais como Parar, Pensar, Sentir e no final entender quem você é, o que sente, o que está fazendo aqui. Aprender a usar as pausas, a presença, praticar a entrega, usar a reflexão e a não ação e adotar uma atitude positiva produzem por si só a consciência e a necessidade de uma reformulação pessoal.
A reformulação pessoal é o processo mais importante e mais lento na busca do poder pessoal. Exige flexibilidade, criatividade, paciência e vontade. Vencer os “torturadores da alma”, dentre os quais a rotina, a ansiedade, o medo e a solidão é um dos principais aprendizados que se pode obter na trilha do auto conhecimento e auto realização. Enquanto isso não ocorrer, toda potencialidade permanece inexplorada e enterrada em algum lugar bem profundo. Acessar o poder em essência tem relação com a permissão de que a luz pessoal brilhe e ilumine a escuridão de outras pessoas. Existir no dia a dia com o máximo entusiasmo e paixão pelo milagre que está acontecendo.
Não conviva com situações que não lhe pertencem. Deixe de lado a falta, que pode ser falta de amor, falta de dinheiro, falta de saúde, tudo isso pode ser eliminado de sua vida quando você elimina os bloqueios que deram origem a estas situações.
De tudo isso, sempre fica o seguinte: o nosso poder pessoal pode nos levar a alcançarmos tudo que desejamos! Ser feliz com suas escolhas!

- Obter o sucesso, a felicidade, na vida, no amor e nos seus objetivos pessoais, mudando os conceitos de mundo que impedem o desenvolvimento do poder pessoal, a confiança em si mesmo e na sua capacidade de obter a auto realização na vida, no amor e nos seus objetivos pessoais.
- Ampliar os horizontes e romper com as com as certezas de que só existe uma realidade e limitadas possibilidades na vida.
- Transformar velhas crenças e reeditar registros internos formadores de padrões de atuação inconsciente que conduzem ao fracasso e a dor.
- Descobrir como é o SER sem os vícios e dramas herdados de ancestrais; sem a manipulação do meio social; sem a pressão dos inimigos internos (sabotadores).

* Este texto foi elaborado segundo os ensinamentos sobre o Caminho Vermelho e a Roda de Cura, por Sthan Xannia

2 comentários:

  1. Parabéns, GOPI YANA por este blog ele realmente nos toca profundamente, trazendo uma mensagem para o despertar, da nossa real natureza Divina, muito obrigado por este belíssimo trabalho, quero também convida-la a visitar também o nosso blog. http://www.felicidadeandliberdade.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Muito bom ter você aqui no meu Blog sendo meu Seguidor, eu também estou seguindo você, ok?
    Natal chegando hein?
    Pois é....
    Muita expectativa...
    Você e eu sabemos que quando Jesus nasceu, muitos esperavam um rei. E um Rei nasceu. Mas não para todos, apenas para aqueles que tinham o coração puro o bastante para saber olhar além das aparências.
    Aqueles que esperavam um rei que nasceria num palácio, num berço de ouro e se tornaria o Salvador da humanidade esperam até os dias de hoje.
    Não souberam dar valor, porque suas expectativas foram contrariadas, porque não souberam ver com os olhos da alma, porque só conseguiram ver um menino que tinha por berço uma manjedoura e por teto o céu estrelado.
    E esse mesmo menino, nascido de forma tão simples e pura, andou entre doutores e mestres e ensinou a eles, pregou o amor e deixou mensagem da paz como herança para o mundo e carregou uma cruz que não lhe pertencia. Sua coroa não foi de ouro e seus diamantes eram espinhos. Mas apesar de tudo, Ele foi e é o Rei acima de todos os reis.
    A embalagem engana muitas vezes. Ela cria expectativas. O importante mesmo é o que vem dentro e é o coração de quem pegou do seu precioso tempo alguns momentos para pensar em nós.
    Portanto, se a vida te oferecer algo diferente, preste um pouco mais atenção ao que recebe. Não é sábio ficar esperando algo mais e se esquecer do que se tem nas mãos. A esperança faz viver, mas dar valor ao que se tem constrói a Vida.
    Feliz Natal!
    Que Cristo esteja todos os dias o tema central das nossas conversas e emoções, a melodia da nossa canção, no decorrer do ano em nossas vidas!
    Ps: Um presetinho do meu Blog ao seu Blog com muito carinho
    Link> http://images.orkut.com/orkut/photos/OgAAAHEgLh36qFz5U6CXpfLe7SXkX7RaCdz6G0bU5JE8tNcthkmN8Gl1KkI8plz5BIZMtFcQV91iDvsRrWgK4OwV9DQAm1T1UGy_KUc04RPU1Q4S15sybh1-NqcQ.jpg
    Beijos no coração
    Eu! Leilnha

    ResponderExcluir